quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

10 meses

Meio atrasadinha vim postar sobre os 10 meses do meu filhão!

Não preciso dizer como o tempo passa, pois a cada dia sinto que estou perdendo meu bebezinho... Daqui uns diz já direi que tenho uma criança em casa, não mais um bebê. Triste, mas feliz ao mesmo tempo. Davi está crescendo com saúde, está esperto e danadinho.

 Adora "ler" a Bíblia para o nenê. Fica passando página por página, volta, gira, fecha e abre. Mamãe conta as historinhas e ele fica olhando, mas também quer pegar e eu deixo, apontando os personagens pra ele. Esses dias não me conti e morri de rir quando ele pegou o controle do ar condicionado e apontou pro ar! haha e não é que o danadinho consegue ligar? Liga e desliga pra ouvir o barulho. Uma figura!

 Vovô gosta muito dos netinhos, apesar de não ficar com eles por muito tempo no colo. E nem pense em chegar perto do vovô com algum netinho cheirandinho de cocô... tem que estar bem limpinho! (vovô tem pavor haha). Mas o vovô agrada muito os netos comprando brinquedos pra eles. Tem um parque de diversões no quintal da casa dele. Tem casinha da Step 2 (que ganharam de natal do vovô e vovó), mesinha, balanço, escorregador e essa semana chegaram brinquedos novos, como o pula-pula em forma de castelo e o jipe do Davi, elétrico e com controle remoto. Davi só vai andar com ele sozinho daqui uns 2 anos, por enquanto a gente pilota.

 Dadí ama essa geladeira que o Vovô tem na casa dele. Ainda bem que é Fisher Price, se não ela não existiria mais!! rsrsrs.. Davizinho toca o terror com os brinquedos!!

 Comemoramos o natal uma semana antes porque a tia Bele e família iriam viajar. Davi ganhou um cavalinho da tia Bele que toca musica e diz nomes de legumes (em inglês, made in "Paris")...rsrs Ele adora!

 Da tia Dani Davi ganhou uma mochila pra ir na escolinha ano que vem. Já uso ela, aposentei a mala de bebê. Muito linda, do Meu Amigaozão! Também ganhamos uma cesta de natal da minha tia, Mônica. Pena que o Davi ainda não pode comer os doces... mas mamãe e papai aproveitaram.

 Passeia com a vovó, vai visitar as tias na Ortobom e mamãe e papai na farmácia! É bom sair de casa e passear com ele. Davi é bem elétrico, precisa se distrair!

Adooooooooooora uma agua! Piscina é com ele mesmo! Olha a carinha de quem não queria sair não! rsrs

Já estão saindo o 5º e o 6º dentinhos. Primeiro sairam os dois embaixo, depois dois em cima e agora mais dois em cima, ao lado dos outros. Comeeeeee como um touro! Dá gosto de alimenta-lo. A não ser quando fica doentinho. Falando nisso, Davi teve inflamação de garganta há umas 2 semanas e tomou antibiotico Sinot Clav. Faltando dois dias para terminar o tratamento começaram a surgir manchas na pele do Dadí, muitas  na verdade e foram piorando. Começou a ficar irritado, nada estava bom. Ai levamos no pronto socorro do hospital, sabado a tarde, vespera de natal. Tava com febre, amoado e cheio de manchinhas. O Dr logo disse que era alergia a amoxicilina, presente no Sinot Clav. Realmente, a amoxicilina é bem comum de dar alergias, prefiro a cefalexina. Mas como foi indicação da pedi..... Então começamos a administrar antialérgico pro Davi no sabado mesmo, e hoje quase não apresenta nenhuma manchinha. Mas mesmo assim ele está inquieto, nada tá bom.... tem um pouco de cólicas, acho que é o remédio.

Tirando essa parte da doencinha, Davi está de nota 10!
Já atende os comandos de: "guarda" (os brinquedos um no outro, adora encaixar),
"quem chegou?" ele olha pra porta.
"Cadê o papai? mamãe? vovó?" Já esta reconhendo as pessoas.
"Cadê o ventilador" adoooora um ventilador
"piscina" fica louquinho querendo entrar

Engatinha por tudo, fica em pé sozinho segurando nas coisas. Adora comer batatinha crua (só tenta) na fruteira vertical da vovó. Adoooora música, não pode ouvir que pára o que está fazendo...

Tem muitas outras novidades que agora não me lembro...são muitas!

2011 foi um ano maravilhoso pra nós!
Que 2012 venha e arrase com 2011!

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Minha carta à Jesus Cristo


Amado Jesus!

Começo minha carta agradecendo mais uma vez por ter descido a esse mundo, sentido minhas dores, e foram tantas, sendo humilhado, mesmo sendo o Filho de Deus e ainda por morrer em meu lugar, pelos pecados que eu cometo, pelo pecado do homem em si. Tu que és meu Salvador,  meu intercessor diante do Pai, meu amigo e conselheiro. Obrigada por mais este ano que se termina. Mais um ano de bençãos, um ano especial que me deste meu filho lindo, cheio de vida e de saúde. Obrigada pelo meu trabalho, que é cansativo, mas recompensador. Obrigada pela minha família, que muitas vezes brigamos, mas nos reconciliamos, por que família é família. Que por sinal, este ano aumentou 3 vezes rsrs.

Tu me destes tudo que precisei, algo mais seria luxo. Até aqui o Senhor tem me protegido, eu e minha família e te agradeço por isso também. Não tenho coragem de pedir-te nada, a não ser que o próximo ano seja ainda mais cheio de amor, de compaixão e de respeito ao próximo. Que no próximo ano o Senhor continue lapidando minha vida, me transformando a cada dia em uma pessoa melhor. Obrigada por eu ter ao meu lado pessoas especiais, mesmo não sendo do mesmo sangue, mas são tão chegados quanto irmãos.

Este foi um ano de aprendizado, de novas experiências, de me tornar mais mulher. Vejo a vida com mais amor e estou me tornando cada dia mais amorosa (juro que tô tentando rsrs). E o Senhor tem me ajudado nessa caminhada, longa, mas que vale a pena. Foi um ano abençoado e inesquecível, apesar das adversidades. Confio no Senhor e nos Seus planos pra nossas vidas.

Que o Senhor ilumine meu caminho e que eu nunca me desvie dele. Ilumine também o caminho do Davi, que ele seja um homem de Deus, digno de ser chamado de Seu filho. Peço para o ano de 2012 mais dignidade, humildade, serenidade e compaixão pra mim e para todos, pois amor e respeito nunca são demais.

Obrigada Jesus por me amar e me resgatar!

Te amo!

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Algumas dicas...

Há alguns dias venho reparando certas coisas que algumas mães fazem pra seus filhos que me deixam indignada. Talvez pela ignorância, no real sentido da palavra, ou talvez por costume. Existem recomendações médica para certas atidudes com bebês que devem ser seguidas. Não por capricho, mas pela saúde dos bebês.

Laticínios por exemplo. Principalmente os iogurtes, são perigosos à saúde dos bebês com menos de 1 ano. É arriscado oferecer esses produtos à eles, e também desnecessário! Um iogurte, mesmo que "não contenha corantes" pode causar infeccção intestinal no bebê, podendo levar à morte. PODE acontecer. Se pode acontecer, não dê. Seu bebê não vai sentir falta, ele nem sabe que isso existe. Além do mais, o iogurte contém cálcio, que pode atrapahar a absorsão do ferro e zinco (gravidinhas também evitem iogurtes logo após as principais refeições!) Iogurte é saudável, faz bem! Mas evite oferecer a seu filho antes de 1 ano. Veja aqui o que o site Baby Center diz sobre iogurtes e geléias. Mas se você não concordar e oferecer iogurte a seu filho, mantenha o iogurte em excelente estado de conservação, do supermercado direto pra sua geladeira e no prazo de validade.

Papinhas salgadas. Se seu bebê já tem mais de 6 meses, você já pode oferecer a ele papinhas salgadas (mas sem sal). Pela aceitabilidade, comece com purê só de batata-salsa. Se comer bem, nos próximos dias acrescente cenoura no purê. Mais uns dias e acrescente abobrinha, beterraba, frango, macarrão cabelinho de anjo, arroz e outros tantos legumes. Coloque um fiozinho de azeite de oliva ou oleo de girassol no purê, pois ajuda no funcionamento do intestino e é gordura boa. Mas não coloque ferver na sopinha, pois depois que o oleo ou azeite esquentam, perdem seu efeito benéfico. Recomenda-se oferecer suco de laranja lima após as refeições por conter vitamina C, que ajuda na absorsão do ferro. Dê papinha em forma de purê até que seu filho tenha pelo menos dois dentinhos. Só então, se quiser, ofereca a papinha somente amassadinha. Essa história de que seu filho "precisa aprender a mastigar" é bobagem. Mastigar é instinto, ele já sabe. Deixe que pelo menos ele tenha dentinhos pra "mastigar" a comidinha amassada, se não ele só vai se engasgar. Outra coisa: seu bebê pode comer da comida que você faz em sua casa, pra sua família. Mas só depois de 8 meses. Antes disso não é recomendado oferecer alimentos com sal, caldos e temperos fortes.

Papinhas doces. Comece pela banana ou mamão. São mais docinhas e mais fáceis de serem aceitas, também pela textura. Maça e pêra deixe pra quando seu bebê já estiver acostumado com as frutas. No início, recomendo que cozinhe a maça e a pêra e depois faça purê. Eles adoram! Deixe frutas mais gordurosas, como o abacate, pra quando seu bebê tiver 8 meses ou mais.

Se seu bebê tem menos de 4 meses nem sonhe em querer que ele fique de pezinho no seu colo! Respeite seu desenvolvimento! Bebês menores de 4 meses não têm estrutura de coluna pra ficarem eretos. O mesmo vale pra bebês que são precocemente estimulados a ficarem sentados. Sou mãe e sei que "não vemos a hora" de nosso filho estar numa fase mais desenvolvida. Mas espera a hora certa chegar. Seu filho vai ficar ereto, vai ficar sentado, vai engatinhar e andar. Isso eu prometo! Uns mais cedos, outros mais tarde. Mas vão! Deixe se filho se desenvolver sozinho. Exercicios estimulantes são saudáveis, mas até certo ponto! Seja prudente!

Balas, pirulitos e chocolates. Outra coisa que fico boba é ver pais que oferecem esses doces à seus bebês. Tem muito açucar, podem formar cáries. E também é desnecessário para a formação do seu filho. Assim como a Coca-cola. Já vi mães oferecerem Coca na mamdeira!! Não preciso nem falar o que penso né?! aff

Ontem na escolinha conversando com uma mãe, ela me disse que o pedi so seu filho de 1 ano, disse que é pra tirar a mamadeira dele, que não precisa mais. Que 1 hora depois do almoço era pra ela oferecer alguma "sobremesa" tipo arroz doce pra ele, em vez da mamadeira. Pensaaaaaaaaaa! Ele ainda disse que mamadeira a noite é coisa de mãe preguiçosa! Faça-me o favor!

Coisa mais gostosa é vê-los tomando o mamá sozinhos, deitadinhos vendo tv de manhã quando acordam... O ato de mamar na mamadeira é gostoso pra eles, faz parte da infância, assim como a chupeta até uns dois anos de idade. É chamego deles. Mesmo a criança que mamou exclusivamente no peito, pode tomar mamadeira. Faz parte, repõe nutrientes que as vezes não são ingeridos. Sou a favor da mamadeira!

Bom, isso tudo foi o que aprendi na faculdade de farmácia e estou aprendendo com a faculdade interminável de ser mãe. Minha pedi e minha irmã também me deram algumas dicas.

Espero ter sido útil....

Beijinhos


sábado, 10 de dezembro de 2011

Cantinho pra pensar...

Ninguém imagina que vai ter um filho birrento, que gosta de aprontar, sabe assim...sabendo que não é pra fazer mas faz de propósito? Um filho que bate nos colegas, irmãos e até nos pais...raivoso, teimoso, desaforado...

Ontem tentando fazer o Davi dormir, já eram quase onze.. liguei a sky e tava passando a super nanny.. vi cenas que pra mim seriam IMPOSSÍVEIS de concertar num filho. Achei que "esse já está perdido, sem solução" e me imaginei no lugar daquela mãe. Até então, minha titude COM CERTEZA seria de perder a cabeça, ficar muito estressada, dar palmadas e brigar. Nada de exageros, mas que eu não ficaria calminha pode ter certeza.

Mas a super Nanny me surpreendeu. A conversa, explicação e demonstração do que se pode ou não fazer, seguida de cantinho pra pensar se o filho desobedecer, e sem ofende-lo ou humilha-lo na frente de outras pessoas, funciona. Pelo menos no programa da super Nanny. (gosto daquela super nanny mais gordinha sabe, pq tem outras por ai).

Davi ainda não vai pro cantinho de pensar rsrs Mas daqui uns 6 meses acho que poderá funcionar.

Primeiro ela disse que devemos explicar o que pode e não pode fazer e dar outras alternativas pra criança, porque não adianta não deixa-la pegar a plantinha da vovó ou o controle remoto se não tem brinquedo adequado pra ela.

Se a criança insistir e fizer errado, ou fizer escanda-lo no supermercado, ela recomenda que os pais falem firme com a criança, mas sem levantar a voz e sem xingar. E diz que em casa o assunto se resolverá no cantinho de pensar.

Em casa, coloca-se a criança no cantinho de pensar e diz pra ela o pq dela ficar ali.

Depois de alguns minutos, um por idade mas nunca ultrapassar 5 minutos, a mãe vai lá, explica de novo pq a criança ficou lá, e então pede pra criança pedir desculpas.

Pronto!

Se funcionar assim, maravilha!

Alguma mãe já utilizou essa técnica? Funcionou?

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Eu sou a Mãe!

Desde quando Davi nasceu nós nunca ficamos sozinhos. Ou estavamos na minha mãe, ou na farmácia, ou tinha visita em casa. Davi sempre foi muito "dado", sempre foi com todo mundo e sempre com um sorrisão no rosto, todo faceiro! Um amor esse meu filho.

Aos dois meses e meio precisei voltar pro trabalho. Também nesse período parei de amamentar, coisa que eu não queria, mas mesmo com medicação meu leite parou de vir. E Davi também não queria mais saber de sugar, era mais difícil que a mamadeira. Então, combinamos que minha mãe cuidaria do pequeno pela manhã e a tarde iria na tata. E assim foi. Isso mesmo, aos dois meses e meio!

Chorei muito pelos dois motivos: parar de amamentar e por deixa-lo com terceiros, mesmo sendo de confiança! A sensação era de que o Davi não iria crescer sabendo que eu sou a mãe dele, que não sentiria minha falta. Estranho, muito estranho. Já que eu só o via na hora do almoço e a noite, e que eu tb já não amamentava mais, eu tinha a impressão que ele se sentiria largado e que todo mundo seria como uma mãe pra ele.

Graças a Deus eu estava errada! É claro!
Eu sempre levantei de madrugada pra dar mama ou simplesmente conforta-lo quando estava inquieto. Papai levantava quando eu pedia, por eu estar muito cansada. Mas 99% das vezes sou eu que o acudo. Eu dou banho em casa, troco, brinco, dou milhões de beijinhos que ele chega e enjoar e virar o rostinho! rsrs

Meu marido me ajuda muito, muito mesmo! Minha mãe também é uma benção. Na escolinha estão cuidando super bem. Mas a mãe do Davi sou eu. E ele sabe disso!

Muitas vezes quando chora só a mamãe aqui pra confortar e fazer parar de chorar. Nem o papai serve (tadinho, já chegou a ficar chateado pq o Davi não quis ir com ele). Pra acudi-lo de um tombo, pra conforta-lo de uma dor ou incomodo, só a mamãe!

Agora ele ainda vai com todo mundo, mas só quando dá na telha! rsrs... quando alguém quer pega-lo, ele se vira de costas pra pessoa e dá risada! Sapequinha! Se acostumou muito bem na escolinha, quase não chora quando o deixo lá. Ele olha as outras crianças correndo e dá risada e se joga, quer brincar junto. Rapidinho eu e a profe o distraimos e vou embora que ele nem percebe.

Mas quando vou busca-lo na escolinha, nossa, fica todo faceiro batendo os bracinhos querendo vir "correndo" pra mim! Coisa mais rica da mãe!


Na casa da vovó - indo pro primeiro dia de escolinha "Pingo de Gente"

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Steri Sac


Que vergonha! Faz um mês que meu prêmio chegou e ainda não postei sobre ele! Desculpa Mummy Brown!

Simplesmente ADOREI o Steri-Sac! É uma beleza! Esteriliza em menos tempo, dá pra levar pra qualquer lugar dentro da malinha do Davi e é super prático!! Adoreiiiiiiiii!!!

Além de ter ficado mega feliz quando recebi pelo correio! Senti o carinho da Monique e da Yasmin! Obrigada meninas, eu e Davi adoramos!

Eu queria que tivesse pra vender aqui no Brasil! Seria ótimo!

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Tapa na Bunda

“As crianças estão precisando de tapa na bunda”, diz terapeuta infantil

Para Denise Dias, que lança livro favorável à adoção de formas físicas de punição, falta de limites cria “geração de delinquentes”


iG: Qual a ideia central do livro?
Denise Dias:
Eu vejo que as palmadas que os pais dão nos filhos, de vez em quando, não têm mal nenhum. “Monstrualizaram” a educação doméstica. Não se pode mais falar em tapa ou em castigo.
Não se pode mais falar que os pais mandam nos filhos. Virou uma bagunça tão grande que hoje nós temos uma geração de delinquentes adolescentes. Podemos até falar que é uma geração drogada e prostituída também. A quantidade de jovens usuários de drogas só cresce ano após ano, isso não é falta de informação, é falta de limite. O que é, muitas vezes, imposto com um tapa na bunda.


iG: Qual a diferença entre palmada e agressão?
Denise Dias:
Não existe um “tapômetro” para mensurar isso quantitativamente. No Reino Unido, quando um pai é julgado (por algum tipo de agressão ao filho), eles observam se foi deixada alguma marca na criança. Esta seria uma forma mais palpável de medir.



iG: Um capítulo do seu livro fala sobre “criar monstros”. Você pode explicar essa ideia?
Denise Dias:
Em uma escada de hierarquia, onde ficam os pais? No topo. Onde ficam os filhos? Lá embaixo. Os pais possuem autoridade indiscutível perante os filhos. Para uma criança crescer saudavelmente, ela precisa de um adulto seguro que diga o que pode e o que não pode ser feito. Hoje em dia, ao invés de colocar limites, eles (os pais) estão filosofando excessivamente com as crianças. Costumo dizer que os pais ficam com “teses de doutorado”, explicando demais para uma criança de quatro, cinco anos de idade cujo cérebro não está formado adequadamente para formar abstração, formar filosofia. Por isso que um pai que mora no décimo andar não tenta explicar para a criança que ela pode cair da varanda. O que ele faz? Coloca rede em todas as janelas. É só uma criança, ela paga para ver.


iG: Você acha que a palmada é a melhor forma de exercer autoridade?
Denise Dias: Não. Acho que é uma das alternativas e, muitas vezes, é o que resolve. Tem crianças que nunca precisam levar uma palmada, a mãe olha e ela já obedece. Tem criança, no entanto, que faz alguma coisa errada e, por mais que a mãe coloque-a de castigo e tire privilégios, continua mexendo onde não deve mexer. O que adianta? O que ela está pedindo? Tapa na bunda. As crianças estão precisando de tapa na bunda.


iG: Não existem outras formas de exercer a autoridade, como saber dizer “não”?
Denise Dias:
Com certeza. Isso eu abordo com clareza no meu livro. O tapa na bunda é um último recurso, mas muitas vezes ele é necessário.


iG: Como saber quando ele é necessário?
Denise Dias:
Quando você já chamou a atenção da criança, já tentou fazê-la parar de fazer o que não deveria estar fazendo, já tentou colocar de castigo e mesmo assim ela continua. O que essa criança está pedindo? Limites. Tem criança para as quais basta dizer algo como “vai ficar sem o cinema hoje”, que ela aprende. Ela não gosta daquilo, então se comportará, em uma próxima vez, para que não aconteça de novo. Mas existem crianças que testam incansavelmente os pais. São esses adolescentes que crescem e queimam um índio, atropelam skatistas...


iG: Bater nas crianças não pode ser considerado um pouco primitivo?
Denise Dias:
De forma alguma. Uma coisa é a palmada, depois que já tiveram vários outros tipos de punições que não deram certo. Outra coisa é um pai que chega estressado do trabalho, a criança faz algo como derrubar suco na mesa, por exemplo, e o pai, na sua ignorância, lasca um tabefe na criança. São situações muito diferentes.

iG: Qual a sua opinião sobre o projeto de lei que visa proibir a palmada?
Denise Dias:
Eu sou contra. Ele não é necessário. O Estatuto da Criança e do Adolescente já protege contra a violência. Vamos definir “violência”. A criança brasileira está prostituída na rua, está na cracolândia... A criança brasileira está chegando ao quinto ano do ensino público sem saber fazer uma conta de subtração. Isso é violência. Agora o congresso quer criminalizar uma palmada que um filho que olha para o pai e fala “cala a boca, seu idiota” toma? O pai que não coloca limites no filho está criando um monstro.

iG: O que levou você a escrever este livro agora, na contramão de diversos estudos e correntes pedagógicas que pregam justamente o fim das palmadas?
Denise Dias:
Para dizer a verdade, no meu convívio profissional o que eu mais conheço, graças a Deus, são profissionais a favor de umas palminhas para educar. Eu vinha escrevendo o livro desde 2009. Quando deu o boom sobre o assunto, por conta do projeto de lei, comecei a correr para terminar o livro.
Lembrando que sei perfeitamente qual a diferença entre tapinha na bunda e espancamento. Último recurso gente. Só me critique quem tem filhos maiores de 20 anos que nunca levaram uma palmadinha sequer e é super hiper comportado.

Agora alguns versículos para pais critãos que são contra as palmadinhas (pois quem não crê em Deus e na biblia, não irá crer nestes versículos)

“Aquele que poupa a vara odeia seu filho, mas aquele que o ama tem o cuidado de discipliná-lo”. (Provérbios 13:24 NIV)

“É natural que as crianças façam tolices, mas a correção as ensinará a se comportarem.” (Provérbios 22:15 NTLH)

“A insensatez está ligada ao coração da criança, mas a vara da disciplina a livrará dela”. (Provérbios 22:15 NVI)

“Todas as crianças são sem juízo, mas correção firme as fará mudar”. (Provérbios 22:15 CEV)

“Não retires a disciplina da criança, porque, fustigando-a com a vara, nem por isso morrerá. Tu a fustigarás com a vara e livrarás a sua alma do inferno.” (Provérbios 23:13-14 RC)

“Não retires a disciplina da criança, porque, fustigando-a com a vara, nem por isso morrerá. Tu a fustigarás com a vara e livrarás a sua alma do inferno.” (Provérbios 23:13-14 RC)

“Corrija os seus filhos enquanto eles têm idade para aprender; mas não os mate de pancadas”. (Provérbios 19:18 NTLH)

Portanto, a Palavra de Deus não aceita nenhum tipo de excesso — nem falta de disciplina, nem surras violentas que colocam a vida da criança em risco.

A falta de disciplina pode representar derrota em muitas áreas para pais cristãos negligentes, que abrem a boca para repreender e mais nada. Embora os meios de comunicação freqüente e insistentemente destaquem os abusos de pais que utilizam a violência no lugar da disciplina, não há espaço igual para alertar o público sobre os perigos da falta de disciplina. Aliás, a elite liberal e esquerdista — dona dos meios de comunicação — escolheu o radicalismo no lugar do bom senso, preferindo apoiar esforços para proibir toda forma de castigo físico em crianças, tornando a falta de disciplina a norma em toda a sociedade.


O ponto preocupante é que se a falta de disciplina em lares cristãos fortes pode provocar grandes prejuízos, o que poderia ocorrer então a uma sociedade inteira que se deixou seduzir pela propaganda enganadora de que toda disciplina física equivale à violência? A Palavra de Deus pode não ter sido escrita por especialistas em psicologia, mas uma Mente Sábia está por traz de sua orientações. Trocar essas orientações por conselhos e leis da moda podem trazer alívio e acomodação no presente, mas também o espectro de um futuro incerto e sombrio, pois não há indivíduo ou sociedade que tenha experimentado sucesso rejeitando as orientações da Palavra de Deus.

Enfim, “Não fique com medo de corrigir seus filhos; uma surra não os matará. Uma boa surra, aliás, pode salvá-los de algo pior do que a morte.” (Provérbios 23:13-14 MSG)

Lembrando que sei perfeitamente a diferença entre tapa na bunda e espancamento. Também sei que a varinha ou palmadinha não se dá com raiva, mas sim explicando pra criança os fatos antes de agir. Conversa e varinha funcionam muito bem juntas. Não é perfeito nem solução pra tudo,mas obedecendo a Palavra de Deus de educar também com varinha, nossa parte nós faremos e Deus honra.

Sou contra a violência verbal, essa sim marca pra vida toda.








sábado, 12 de novembro de 2011

Tá tudo bem...

Fomos então na consulta de 9 meses.

P.: 9.375kg
A.: 72cm
Não me lembro a medida agora, mas Davi é bem cabeçudinho! rsrs

O resulatdo do exame de alergia, IgE, não deu tão alterado assim. Fiquei muuuuuuuuuuuuuito assustada na hora qdo vi que estava fora da normalidade, mas a Dra e minha irmã depois me explicaram que quando a alergia é grave, é acima de 100UI/ml. O normal seria até 15, o do Davi está 18, mas não é considerado perigoso. Ufa!

Provavelmente deu um pouco alterado por causa de uma picadinha de inseto no pezinho dele. Ou alguma coisinha que ele comeu, mas não é preocupante. O exame que aponta alergia a Lactose e/ou leite de vaca deu negativo, mas nesses casos, o exame mais importante é o clínico, o qual Davi apresentou vários sintomas quando ingeriu leite de vaca (diga-se Nan) como irritação, refluxo e choradeira, além de assadura e feridinhas de pele. Foi só tomar Nan Soy que tudo virou mil maravilhas.

Então combinamos que até 1 ano é desnecessário dar ao Davi produtos com leite, como iogurtes, bolachas, pães, queijo, o proprio leite de vaca, entre outros. Após 1 ano voltaremos a conversar. Por enquanto dou pro Davi frutas, (ah, frutas citricas tb podem dar alergia em pessoas sensiveis, sabiam?), dou tb comidinhas salgadas, como coxão mole, frango, legumes, verduras, arroz e macarrão. Suco de frutas e agua o dia todo. Não precisa mais que isso. Na verdade, quando as pessoas dão sorvetinho, pirulito e chocolate, é pra satisfação delas e não do bebê, que não faz ideia de que isso exista. Como o Dr Aléssio de Umuarama disse, "bebe não passa vontade. Não é pq ele esta olhando vc comer que ele quer aquilo".

Davi não vai mais na tata a tarde. Isso é uma outra historia que não preciso contar aqui. Por enquanto ele vai na minha mãe de manhã e vamos ver o que faremos a tarde. Qq coisa ficarei com ele.

Seus dois dentinhos debaixo já sairam. Agora três em cima estão apontando. As vezes ele fica bem irritadinho por causa disso, coça bastante e haja Nene Dent!

Hoje está um caloooooooooooooooooooor aqui em Palotina!!

Acho que o Davi vai conhecer a piscina!! rsrs

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

Alergia

Amanha o Davi completará 9 meses!!! Mas falo disso em outro post..

Vim aqui pra contar que semana passada fizemos um exame de sangua (tadinhooooo) e hoje saiu o resultado: Davi tem mesmo alergia a algum alimento. O IgE deu alterado, 18UI/ml, sendo que o normal pra idade dele é de 15UI/ml. Já se sabe então que não é alergia da lactose, pois esta alergia não é mediada por IgE. Pode ser que seja da proteína do leite, mas tentei e tentei e não consegui interpretar essa parte do exame. O de urina o Ph deu 6, um pouco ácido, vou ver o que a Dra fala, já que hoje a tarde teremos consulta dos 9 meses.

Pesquisei e outros sintomas da alergia alimentar são febre, diarréia, vômito e anemia (o que também foi comprovado no exame foi anemia). Suspeito de alguma coisa mas não posso dizer aqui, quem quiser me pergunte nas mensagens do face.


Ele acabou de fazer o "2" e vou lá na minha mãe buscar pra fazer exame e ver se tem sangue nas fezes. Fiquei bem preocupada, pois se não é do leite, do que seria? Da soja? Farinha ele não come (deu um pão pulmann pra ele comer, que não tem leite, mas tem farinha que tb da alergia, mas ele não comeu, só brincou)... a alergia alimentar pode causar choque anafilático (Deeeeeeeeeeeus me livre e guarde amem)...

Será que ele vai levar mais uma picadinha? Ainda mais que hoje tem vacina....  :(

Quando sair os resultados volto pra postar...e tb sobre a consulta de 9 meses...

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Auto-estima

Adoro ser mãe!

Me canso muito trabalhando fora, sendo mãe e esposa. Ainda mais agora que tô sendo um pouquinho de amélia, pois minha tata pediu pra sair! rsrs ( mas a recompensa vem quando o marido elogia o uniforme que ficou bem branquinho).

Davi é um amor, vive sorrindo, de bem com a vida e serelepe. Eu é que sou cuzida mesmo (como minha amiga Gra me disse esses dias "Ai Carla, eu sou muito cuzida" haha).

Só que trabalhando na farmácia, sendo mãe, esposa e amélia, eu me abandonei um pouquinho. Não me esqueci, só não tenho muita disposição pra me produzir. E quando tenho tempo, quero descansar! Mas esse final de semana me serviu pra abrir os olhos. Conversando com o Abel e dizendo pra ele que eu não sou mais magra como antes e mais disposta também, ele me vem com uma bomba (mesmo sendo dita com todo o cuidado que um homem tem rsrs): eu gostava de você loira! e também: você não se maquiou, vida?

Aaaaaaaaaaaaaaahhhhhhhhhhhhh!!!

Não fiquei triste, mas pensativa. Tá na hora de eu voltar e me arrumar como antes! Nessa idade que o Davi ta, não se pode dar a desculpa que não tem tempo! Davi é um amor, posso deixa-lo vendo tv por 10 minutos enquanto eu passo maquiagem, por que não? Acorda, Carla! Sou mãe e casada, mas ainda sou MULHER!

Não é pra chamar atenção de outros homens, mas pra chamar atenção do meu marido mesmo! E de mim, pois quando estou bonita me sinto melhor, a auto estima vai lá pra cima! E com certeza me arrumar, me vestir melhor, me comportar melhor, me maquiar, faz com que o Abel sempre olhe pra mim e diga: Que mulher linda que tenho! Mesmo ele me amando pelo meu eu. Não posso desleixar!

Hoje re-comecei minha dieta. Meu prato no almoço foi 50% salada, e espero manter assim. Tô empolgada pra caminhar depois das 6 e pretendo emagrecer, perder a barriguinha que ficou depois da gestação...e também a caminhada ajuda a dar disposição!

Vou voltar a ser loira em novembro, quando minha cabeleireira volta da licença maternidade dia 05/11(que ela vai se dar de 20 dias!!!!!!!!!!!!)

PS: Quando pintei meu cabelo de castanho escuro, todo mundo disse que fiquei melhor morena. Hoje quando eu disse que voltaria a ser loira todo mundo disse que eu fico melhor loira! Viu? Não sou só eu que sou indecisa! haha

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Programando o primeiro aniversário

Há tempos que venho pensando na festinha de um ano do Dadí. Não tive dificuldade em escolher o tema: "Carros, da Disney" Davi nem sonha o que seria isso! haha... é a mamãe que acha bonito mesmo. Já pensei em convites, tentei arquitetar um personalizado; já imaginei lembrancinhas, decoração...até conversei com uma mulher que decora festas de aniversário. Mas só pra decorar já é uma fortuna, pois vai mto balão, diz ela. Vou pensar...

Embora eu já tenha escolhido o tema Carros, semana passada mudei de ideia e comecei a pensar no tema de Ursos com tecidos azul com marrom, sabe? Fiquei namorando algumas festinhas no google, orkut, face e até youtube.

Seria lindo. Mas não combina com o Davi. Meu bebezão é muito agitado, muito ativo. Não é meiguinho, dengosinho e tal. Aí resolvi que será o Carros mesmo o tema da festa! Bem agitado e aventureiro, como meu filho. O que acham?

Quando eu disse pra decoradora que queria o tema Carros, ela disse: "Essas mães..." hahaha...

Não acho que está muito cedo pra organizar. Afinal, faltam 4 meses!!!!

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Muitas novidades...

Essa semana estava lá eu, brincando com o Davi no colchão da sala. Entre roladas, risadas e serelepices, eis que vou ajuda-lo a coçar a gengivinha... e pra minha surpresa: Um dentinho querendo sair!!! uhulll!! Senti uma coisinha na gengiva inferior, bem durinha e afiadinha até. Quando fui ver era o dentinho aparecendo. Uma pelezinha ainda cobre o dentinho, mas que já está apontando! Papai chegou e contamos a novidade!! Muita alegria!

Outra novidade é que faz umas três semanas já, emprestamos um andados de uma amiga nossa. Davi adorou! Ainda só anda pra trás, pouco anda pra frente. Mas adora. O bom é que pode gastar suas energias, que são recarregadas todos os dias no 220! rsrs Perguntei pra pedi ela disse que de vez enquando não tem problema, que não é pra ficar o dia inteiro e que é pra deixar ele andar com o pé todo no chão, não só a pontinha.

Meu filhote tá comilão! Come tudinho no almoço e hoje comeu o almoço e o jantar! haha...

Davizinho já olha rapidamente quando o chamamos, não importa se estamos longe, ele nos enxerga. É um amorzinho, não incomoda nunca! Chora quando passa a hora de comer ou dormir. Se não, só ouço seus gritinhos de felicidade!! Fofura mesmo é quando ele sorri pra gente, encolhendo o corpinho!! Aí me derreto!

Estou esperando meu prêmio do blog da Mummy Brown, que tive o privilégio de ganhar!!!!! Está pra chegar!!

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

7 meses

Hoje você completa 7 meses meu filho lindo!

Há sete meses atrás eu ouvi o chorinho mais gostoso pela primeira vez. Beijei sua testinha enrrugada e quentinha, senti seu cheirinho e vi seu corpinho todo roxinho. Você foi o melhor presente de Deus pra nossas vidas, nos trouxe mais felicidade e mais amor. Depois de dar a luz à você, Davizinho da mamãe, foi que eu conheci o que é realmente amar alguém, com toda a força e intensidade deste mundo. Me tornei mais mulher, mais humana, mais sensível.

Os primeiros meses foram difíceis para nós. Tudo novo pra mim e pra você. A sua alergia ao leite nos deixou preocupados durante um mês, mas logo descobrimos e você se tornou ainda mais um anjinho. Está um amor, um querido da mãe. A cada dia nos surpreende. Sua risadinha safadinha encolhendo o corpinho me derrete toda! Você é muito especial Davi! Meu Abú!

Já está muito firminho, sentando sozinho e até se levantou do carrinho depois que acordou! Mamãe quase infartou de preocupação!  rsrs Também tira a chupeta, fica olhando e virando ela com as mãozinhas e depois tenta coloca-la novamente na boca. Ontem, mamãe quase infartou novamente: colocou TODA a chupeta na boca. Agora fico com medo de te dar chupeta de novo.

Seu soninho é tão sereno e profundo. Até ronca! Coisa mais gostosa. Quando faz dias quentes como hoje, você fica ainda mais fofinho com roupinhas de calor! Já comprei uma cuequinha do palmeiras pra vc se mostrar pro vovô (e decepcionar o papai rsrs). Mas tudo é lindo quando é contigo! A cada dia te amo mais e dou minha vida por você!

Já estou com saudade de você, de perder meu bebêzinho...tô com saudade do passado que ainda é o hoje, pode?

Papai está pensando em uma irmazinha pra você! hihi...lokinho ele né!? E ainda o pessoal aqui na farmácia apoia ele! Eu ficaria louca! Quem sabe ano que vem...

Sexta passada fomos na consulta de 7 meses. Só uma coisa me deixou preocupada: você não ganhou peso neste último mês. Mas já está com 8,700kg e 70cm. Diz a Dra Rose que não tem problema, por você estar comendo bem (até demais), estar coradinho e por estar com o peso normal de um bebê de 7 meses.

Ela indicou o Neutrofer fólico para te dar 8 gotas após o almoço, pra complementar o ferro e o ácido fólico ajuda a cicatrizar o estômago e intestino caso as comidinhas de queimem por causa do refluxo. E também mamãe já pode te dar o jantar. Vamos começar amanhã!





sexta-feira, 9 de setembro de 2011

Plano de Salvação

Aprendemos em uma Escola Bíblica Dominical, ministrada pelo meu pai, o Plano de Salvação. Muito legal, fala de maneira clara e objetiva sobre nosso pecado e a redenção de Cristo. Vale a pena ler...

É mais ou  menos assim...

Plano de Salvação: Nascer de novo é a resposta para a pergunta mais importante dessa vida
Plano de Salvação—Acreditamos que a pergunta mais importante dessa vida é: “Você vai para o céu quando morrer?" Não é uma questão de quão bom você é como pessoa, se vai para a igreja ou quanto dinheiro você dá para serviços de caridade. Deus diz que para entrar no céu, é necessário nascer de novo (João 3:3).
Plano de Salvação: Como podemos nascer de novo?
O plano de salvação pode ser encontrado na Bíblia. Deus nos mostra claramente o seu plano de como podemos “nascer de novo”.

Primeiro, precisamos reconhecer Deus como o Criador de tudo, e também aceitar nossa humilde posição na criação de Deus. “Tu és digno, Senhor e Deus nosso,, de receber a glória, a honra e o poder, porque todas as cousas tu criaste, sim, por causa da tua vontade vieram a existir e foram criadas“ (Apocalipse 4:11).

A seguir, precisamos reconhecer que somos pecadores. “pois todos pecaram e carecem da glória de Deus“ (Romanos 3:23).

Já que somos pecadores, somos condenados à morte. “porque o salário do pecado é a morte“ (Romanos 6:23). Isto inclui separação eterna de Deus.

Mas Deus amou a cada um de nós tanto que deu Seu Único Filho, Jesus, para carregar nosso pecado e morrer no nosso lugar. “Mas Deus prova o seu próprio amor para conosco, pelo fato de ter Cristo morrido por nós, sendo nós ainda pecadores" (Romanos 5:8). Apesar de que não podemos entender completamente como, Deus disse que nossos pecados foram colocados em Jesus e Ele morreu no nosso lugar. Jesus tornou-se o nosso substituto.

Na Bíblia, um carcereiro perguntou a seus prisoneiros, Paulo e Silas: “‘Senhores, que devo fazer para que seja salvo?‘ ‘Responderam-lhe: Crê no Senhor Jesus, e serás salvo, tu e tua casa'" (Atos 16:30-31).

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Curtindo meu bebê antes que vire criança...

Com tempo pra ler os blogs de minhas amigas queridas!

Sem tempo de escrever...

Fora do trabalho Davi ocupa todo meu tempo!!

E eu amooooooooooooooo!

Don't stop me now 'cause I'm havin' a good time
Don't stop me now yes I'm havin' a good time
I don't want to stop at all

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Papinhas

Comecei com as frutinhas amassadinhas tipo purê. Banana, maça, pêra...nada disso Dadí gostava... Fazia caretas e colocava tudo pra fora.. Até o mamão papaya ele rejeitou... Aí eu dava mamdeira.

Mas não deu uma semana ele aceitou bem as frutinhas e agora come todas!
Melão, pêra, mamão (hummm como adora o mamão), maça e banana. Ainda não dei o abacate pois é muito forte pra ele ainda, muito pesado sabe, gorduroso.

Agora ele come fruta de manhã com suquinho ou agua de coco e não mama mais nesse "lanchinho".

A salgada foi um pouco mais difícil do Dadí aceitar. Fiz como mandaram eu fazer: cozinhei e amassei a batatinha e a cenoura e dei separadinho, e ele rejeitou, como vocês podem ver aqui. Aí no outro dia tentei só a batatinha e nada. Batata salsa e nada.

Até que segui meu instinto de mãe e refoguei o frango com cebola e cozinhei junto com o macarrão cabelinho de anjo, brocolis e cenoura. Escorri tudo e bati (tudo junto) no liquidificador e ofereci. Noooosssaaaa!!! Ai sim ele comeu! E adorou!

Cada dia ele come mais.

Ai todo dia na papinha salgada tem frango e cenoura, mas as vezes coloco arroz em vez de macarrao, ou batatinha normal ou salsa, as vezes coloco abobrinha em vem do brocolis, ou folha verde tipo couve-folha e assim vai.
Amanhã vou comecar a colocar carne de boi em vez do frango. Três veze por semana carne vermelha e o resto carne de frango.

E se come bem no almoço não ganha mamadeira, e tb não reclama.

A tarde a tia Léia dá mamão papaya pra ele. Todo dia a tarde ele come mamão por causa do intestinho preso ( que o leite ocasiona). E tb, se come bem não ganha mamadeira.

Então ficou assim:

Mama as 6:00
Fruta as 9:00 - 9:30
Almoço as 12:00
Fruta as 15:00
Mamadeira as 18:00
Mamadeira as 8:30 pra dormir
As vezes mama as 2:00 da manha
As vezes vai direto até as 6:00

É muito bom ver meu filhote comer bem! Abre o bocão e reclama se demoro pra dar mais!!

A partir dos 8 meses é que se deve oferecer o jantar...então daqui dois meses vou introduzir mais uma papinha salgada pro Dadí.

Ahhh... com as papinhas voltaram as cólicas. Mas beeeeeeem mais fraquinhas do que as anteriores ao 3º mês! Ufaaa...nem chega a berrar, como antes, mas fica incomodado. Ai a Dra Rose falou pra dar Mylicon Plus, que ajuda como anti-acido e tem simeticona, que ajuda nas cólicas.

sábado, 13 de agosto de 2011

Sorteio da Mummy Brown

Minha amiga Mummy Brown está realizando um sorteio em comemoração de 1 ano de seu Blog!!

Mas não participem, pois eu quero ter mais chances de ganhar! haha

Bjinhos

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Dia dos pais...

Eu e o Davi estamos preparando um presente muito legal pro papai...

Não posso contar aqui porque é surpresa...

Mas posso adiantar que é algo personalizado, além do café da manhã no domingo!

Bjinhos

quarta-feira, 27 de julho de 2011

Curitiba: cidade maravilhosa!

Segunda-feira, dia 18/07, viajamos pra Curitiba pra colação de grau do meu irmão. Fomos eu, Dadí, meus pais, irmãs e sobrinhas. Meus avós foram depois. O Abel e meu cunhado não foram, ficaram trabalhando. Ficamos todos no apartamento do meu irmão. Imagina, três crianças (dois bebês e minha sobrinha de 18 meses) num apartamento só! Sempre tinha um dormindo e toda hora era um tal de "Shiii" pra ninguém fazer barulho! haha

A viagem de ida começou um pouco mal! rsrs...fomos no carro eu, Dadí e meus pais. Ai que o Davi chorou bastante até a metade da viagem, tive até que tirá-lo do bebê conforto pra acalma-lo. Depois do Anila ele dormiu até Curitiba! Ufa.... não por mim, mas por meus pais. Por que as mães e pais aguentam o choro de seus filhos. Os outros começam a ficar irritados!

Mas o Davi adorou Curitiba! rsrs...se comportou muito bem! Na verdade, voltou outro de lá! haha...papai ficou dias tentando reconhecer o Davi....rsrs

Passeamos bastante, no shopping, restaurante e mercado municipal! E o Davi dormia quando dava sono, tanto no sling, quanto no carrinho alugado do shopping. E sorria, sorria e sorria! Fez um sucesso!
Aprendeu a dormir cedo, acho que pelo remedinho que dava sono e pelo cansaço da semana. Agora dorme lá pelas 21h e vai até as 6 da manhã! Que MARAVLHA!!!

Carrinho do shopping meio desconfortável...mas tá valendo né filho!

Li que os pais não devem se orgulhar pelos filhos dormirem bem. Não me orgulho de mim, pois não fiz nada demais pra que isso acontecesse. Me orgulho dele!

Também está beeeeeeeem mas tranquilo, calmo e sereno. Domingo ficou o culto todo sem abrir a boca! Ficou quietinho brincando com o brinquedinho e com a chupeta! Ahhhhhhhhhh, a chupeta! Ele não queria nem saber da tal chupeta. Mas em Curitiba, cidade milagrosa(haha) tentei dar e ele aceitou! Voltou com mais essa novidade.

Agora é amiga inseparável!

Também em Curitiba aprendeu a se virar na cama, a dormir de ladinho agarrando o travesseiro! E não faz mais manha pra dormir. Se vejo que tá com sono, pego no colo, faço um carinho e ele dorme no caminho até o berço. As vezes fica gemendo e só dorme quando o coloco no berço e ele se vira pro lado já "roncando"

Gente, meu Davizinho tá um amor! Não posso me queixar de nada! Ele sempre dormiu bem, mas agora que ele dorme cedo e vai até o outro dia, nossa, me sinto regivorada!

Agora ele está comendo as frutinhas. Coincidencia ou não, começou a comer quando eu troquei de colher. Antes eu dava com aquelas de plástico duras, ai comprei uma de silicone da Chicco, e ele come faceiro! Até abre a boca pra comer querendo mais! E ai de mim se demoro pra dar outra colherada! Reclama! haha...

Essa colher é ótima! Super recomendo! É bem carinha, mas é macia e higiênica!

quinta-feira, 14 de julho de 2011

Frutinha

Hoje foi uma confusão só.
Davi deu trabalho pra dormir ontem, mesmo com o santo remédinho que dá sono. Ontem o dia foi diferente pra nós. Muito passeio, viagem de carro, muita gente pegando (e ele adorando, se achando mesmo!). Ai chegamos em casa e já viu. Tava com sono, chorava de olhinhos fechados. Mas não se entregava. Foi dormir mesmo as 00:20. Ufaa...

Ai acordou 6:40 pra mamar (nunca mais tinha acordado cedinho pra mamar). Mamou e dormiu comigo na cama, enquanto o papai foi tomar banho pra trabalhar. Então, depois de tanta canseira dormimos até as 10 horas!! uhulll!!! Tão gostoso dormir com meu fofucho!!! Acordar juntos também é divertido!

Levantei pra me arrumar enquanto ele ficou se espreguicando na cama. Depois fui arrumar o  Dadí e fomos ao mercado comprar as frutinhas para a primeira experiência do Dadí com comida de verdade. Mas ele ainda prefere a soja! haha...

Levei o Davi no sling, e todos babaram no mercado. Comprei umas coisinhas que o papai gosta, banana-maça e laranja lima. Buscamos o papai (pois ele queria presenciar o momento) e fomos pra casa da vovó. Tudo meio atrapalhado e corrido, pois o Davi já estava dando sinais de fome. Ai quando fui amassar a banana experimentei e tava marrenta. Aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii.... então vi uma bela maça na geladeira e pensei vai essa mesmo!"...amassei a maça e fiz o suquinho de laranja.

Mas o Davi não gostou da maça (como a Nessa já havia me adiantado). Comeu nada praticamente. O suquinho ele tomou uns 20ml e só. Pro começo está bom. Hoje a tarde voltarei com ele no mercado, em outro que tenha frutas mais frescas, e amanhã darei a docinha banana-maça com o suquinho de laranja. 

Meu marido filmou toda a cena. Vou baixar e postar aqui depois. Muito hilária a reação do Davi! 

quarta-feira, 13 de julho de 2011

Cartilha de alimentação

Minha irmã é nutricionista e trabalhava em Curitiba na unidade de saúde. Ela me passou uma Cartilha de Alimentação Infantil que é distribuída em Curitiba. Muito interessante!

Tem dicas de alimentação desde 0 meses. Também tem combinações de papinhas doces e salgadas.

Bjinhos

Consulta no pedi de 5 meses

Ontem fomos na pedi, Tia Rose!
Um amor como sempre, muito inteligente, sempre falando em nomes cientificos e explicando super bem e atendendo todas as dúvidas!

O Dadí está bem! Está com a garganta um pouco inchada e as narinas também. Como ele está com uma tosse chatinha e o nariz meio trancadinho, a Tia Rose receitou Polaramine (dexametasona), 4 gotinhas a noite. O bom é que este medicamento dá um pouco de sono! haha...ontem foi uma beleza, Dadí dormiu as 22:30 e os papais também! Ufaaa...chega de ir dormir pra lá de meia noite...que benção de remédio!! Pena que é só por seis dias! hihi...

A tia Rose também indicou a inalação só com soro! Eu e o marido vamos fazer hoje no almoço! Deve ser engraçado!
Ela também liberou as frutinhas (a mamãe que pediu pra liberar!). Pediu pra começar só com suquinho de laranja lima (menos ácida) de manhã por três dias. Depois de manhã e a tarde, e a cada três dias experimentar uma frutinha nova! Primeiro vou dar banana (dica da mamãe Nessa), depois mamão, depois maça, pêra e lá por 7 meses vamos experimentar a goiaba e perto de um ano a manga e o abacate.

As papinhas salgadas vamos começar depois do 6º mês.

Davi está com 8,075kg e 66cm.

Hoje fomos levar o Dadí pra tomar as vacinas de 5º mês. Chorou sentido na hora, mas em segundo já parou! Ai gnt, que dor no coração! :) A enfermeira disse que não podemos dar paracetamol por que interfere no efeito da vacina. Então, vamos dar umas gotinhas de alivium.

Temos aniversário do meu tio em Toledo hoje a noite! Vamos todos! Mas primeiro vamos a Cascavel, porque o papai tem consulta no oftalmologista. Vamos nós três com o tio Gui, e depois vamos direto pra Toledo.

Obaaaaaaaaaaaaaa vamos passear!! A mamãe aqui nem gosta! haha...


A casa da vovó é um parquinho!


quinta-feira, 30 de junho de 2011

Pequisas com gestantes e bebês

Demora anos, até décadas, para que um medicamento chegue às prateleiras das farmácias. Pesquisas são realizadas em laboratório por anos, in vitro, e depois são realizados in vivo. Na verdade são três etapas de pesquisa:
·         Pesquisa básica, na qual é feita a descoberta de um fármaco possível de combater alguma patologia.
·         Pesquisa pré clínica: os compostos que se mostraram promissores na fase anterior continuam sendo investigados. Nesta fase são checados parâmetros de segurança e de eficácia por meio de estudos de toxicidade e atividade in vitro e in vivo. Se o composto for aprovado por meio de testes em animais (normalmente camundongos), passa-se então para testes com seres humanos.
·         Pesquisa Clínica: consiste em submeter os novos compostos a ensaios clínicos para avaliar a segurança e eficácia do produto em seres humanos.
·         Farmacovigilância: o novo medicamento continua sendo avaliado, mesmo após seu registro e seu lançamento.

Esses estudos em seres humanos têm restrição de voluntários. Não se pode realizar pesquisas de medicamentos novos em mulheres gestantes, nem em período puerperal ou de amamentação, pois pode ser perigoso para o feto ou bebê.  Também não podem ser realizados em crianças menores de 2 anos, por causa do pouco desenvolvimento destas. Por isso que na bula, quase todas, vem descrito que não é permitido o uso para gestantes e crianças menores de dois anos, pois não foram realizadas pesquisas para saber se o medicamento causará ou não algum efeito sobre o feto ou bebê.
Certo que muitos medicamentos são produzidos e comercializados especialmente para gestantes e para bebês. Sim! Pois apesar de estudos não poderem ser feitos com essa classe, o uso por vários anos mostrou que tais medicamentos não foram nocivos à saúde de ambos.  Por isso existem vitaminas específicas para a mulher gestante e para bebês, como o Natelle, Materna, Ad-til, etc.
Mas cuidado! Ainda muitos medicamentos são extremamente nocivos tanto para a mãe, quanto para o feto. A exemplo dos retinóides (congêneres da vitamina A), em especial a isotretinoína, indicada para quadros graves e persistentes de acne, que provoca anomalias no sistema nervoso como hidrocefalia e retardo mental, defeitos no aparelho cardiovascular e alterações no crânio, especialmente nas orelhas. A warfarina também é inimiga da mulher gestante. Utilizada para o controle da pressão arterial e para o tratamento da trombose, pode causar aborto, defeitos no sistema nervoso e hemorragia cerebral. Ainda, dois princípios ativos contra convulsões são acusados de alterar a formação da coluna vertebral do nenê: a carbamazepina e o ácido valpróico, esse último também receitado para prevenir crises de enxaqueca. Também entram na lista dos proibidos os fármacos para tratamento de câncer, que podem prejudicar o desenvolvimento do feto como um todo porque interferem na divisão celular.

Nenhum medicamento deve ser tomado sem orientação do obstetra. Mesmo se for prescrito por outro especialista, o médico que acompanha a gestação deve ser informado. Este cuidado deve ser maior nos três primeiros meses, quando se formam todos os órgãos do bebê. Nessa fase, remédios são desaconselhados sem indicação médica, incluindo fitoterápicos, homeopáticos, vitaminas e florais.
Pois é, não quero assusta-las, mas nem o naturais são aconselhados. Os fitoterápicos, medicamentos à base de ervas, também oferecem riscos. A cáscara sagrada, que é um laxante natural, pode causar contrações antes do tempo, com possibilidade de aborto e parto prematuro. O guaco, com o qual se faz xarope contra tosse, oferece risco de hemorragias. A hortelã, consumida na forma de chá contra gripes e resfriados, pode causar malformações, se utilizada em altas doses. Como tempero, ela é liberada. Até uma vitamina pode fazer estragos. O excesso de vitamina A é associado a malformações. Muitas gestantes necessitam de suplementação de ácido fólico, ferro e cálcio, dentre outros nutrientes. Mas nem todos os complexos vitamínicos são adequados nessa fase da vida.
Mas coloquemos na balança: em alguns casos, a medicação se torna imprescindível porque a gestante apresenta algum distúrbio que pode trazer complicações importantes para a gravidez ou mesmo que possa colocar sua vida em perigo. Nestes casos, a falta de tratamento compromete mais a gestação do que o uso do remédio em si. Hipertensão se não for controlada, a elevação da pressão arterial da mãe ocasiona retardo no crescimento intra-uterino, parto prematuro e nascimento de bebês de baixo peso.
Não se desepere! Para algumas situações existem soluções:
Enjôos: fracione as refeições para não ficar muitas horas em jejum. Prefira alimentos gelados e evite comida gordurosa. Se não resolver, os ginecologistas, às vezes, prescrevem dimenidrinato isolado ou associado à vitamina B6 ou metoclopramida. Outra opção é a acupuntura, que dá bons resultados em casos de náuseas e vômitos e é permitida desde o começo da gestação.

Resfriados dores e febres são controladas com paracetamol, mediante prescrição médica. Os descongestionantes nasais estão proibidos, pois podem estreitar os vasos da placenta e comprometer o fluxo de sangue para o bebê. É melhor pingar nas narinas soro fisiológico ou fazer inalação só com o soro. Nada de drogas contra tosse, especialmente as que contêm codeína e formulações à base de guaco. Prefira mel com limão.
Inchaço: reduza o sal na comida, descanse com as pernas elevadas e faça exercícios físicos para ativar a circulação.
Enxaqueca: analgésicos mais fortes não são recomendados e os remédios para prevenir as crises também estão fora de questão.

O médico pode recomendar paracetamol e, como segunda opção, dipirona. A acupuntura também traz alívio. É conveniente que se verifique resistência à insulina (causa freqüente de enxaquecas) e se confirmada, poderá ser tratada.


Insônia: leite quente com mel antes de dormir pode trazer conforto.

Massagens relaxantes e acupuntura também são boas dicas.
Saúde é coisa séria!

Esse post tem algumas colinhas do mundo cibernético.
Dr.Aléssio Calil Mathias – CRM 51.096 é ginecologista e obstetra e diretor da Clínica Gênesis - http://www.clinicagenesis.com.br
Carla Maria Brandalize – CRF-PR 21.871

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Armazenamento de medicamentos

Oiii gente!!


Resolvi que meu blog também servirá de ajuda a outras mamães! Já que sou farmacêutica, posso ajudar on line também neh? Não só atras do balcão!!! hihi


Vou tentar postar sempre que possível algumas dicas sobre medicamentos e tratamentos. As vezes ficamos perdidas depois que saímos do consultório pediátrico.


Medicamentos são necessários as vezes, tanto para adultos quanto para crianças e bebês. Medicamento não faz mal se administrado de maneira correta, na dose correta e para o fim correto. Chás e receitas caseiras podem ser considerados, mas vale pesquisar muito bem antes de oferecer essas misturas ao seu filho. O que foi bom para sua vizinha, não necessariamente será bom para você. E vice-versa.

Confie em seu médico. Isso é importante e te traz segurança. Se ele te receitou um medicamento, ou para seu filho, e você ficou na dúvida, pesquise e leve essa dúvida ao seu médico. Para algumas doenças existem várias formas de tratamento que funcionam. Por isso, siga a orientação do seu médico. Por exemplo: para febre existe o Ibuprofeno (Alivium), o paracetamol (Tylenol) e a dipirona (Novalgina). Seu médico indicará o que melhor for para o seu caso. Se você não estiver satisfeita com as indicações de seu médico, procure outro. Se você não seguir as orientações de seu médico, então pra que procurá-lo? Encontre um médico que te dê segurança. Isto é fundamental para um bom tratamento e melhora do estado enfermo.

Sobre as enfermidades intantis, toda criança fica doente de vez em quando. Por isso, os pais precisam estar sempre preparados para esses pequenos contratempos. Às vezes, parece que a criança precisa de remédio para febre ou para o machucado justamente quando não temos como ir à farmácia. Uma caixinha de remédios contendo os medicamentos adequados facilita muito. Você ficará mais calma e a criança notará sua confiança. Mas cuidado, escreva sempre na embalagem para que o medicamento foi indicado e a quantidade a ser administrada. Caso outra pessoa além de você for utilizar, saberá qual e quanto utilizar. E ainda, TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS!!

Medicamentos para adultos não são adequados para crianças pequenas. Quase todos os medicamentos para bebês ou crianças baseiam-se no peso e/ou na idade. Não deixe de ler a bula e siga rigorosamente a recomendação médica. Além disso, as pessoas que tomam conta do seu filho devem saber onde esses remédios ficam guardados para poder recorrer a eles em sua ausência. Outra dica: coloque na sua caixinha de remédios o seu numero de celular, do seu marido, do seu médico e do hospital. Em caso de emergência, fica fácil localiza-los.
Dicas: não deixe medicamentos armazenados no banheiro, mesmo que dentro dos armários. A umidade pode interferir na composição do medicamento e este perder seu efeito. Também não armazene medicamentos perto do fogão, mesmo que em armários, pois a umidade e o calor também podem modificar o medicamento e inativar seu efeito. Todos os medicamentos devem ser armazenados com tampa ou lacre, sempre protegido da luz, da umidade e do contato com o ar. Antibióticos são receitados somente para o tratamento da enfermidade atual. Não reutilize antibióticos nas enfermidades que se seguirem, antes, procure um médico. Antibióticos liquidos ou reconstituídos devem ser preparados no dia do uso e armazenados na porta da geladeira. Após o término do tratamento, descarte o que restou e não reutilize para outras pessoas ou outras enfermidades.
Todos os medicamentos que restarem de um tratamento, e todos aqueles que venceram, você poderá encaminha-los para um centro de saúde, mais específico a farmácia do posto de saúde de sua cidade. NUNCA DESCARTE MEDICAMENTOS NA LIXEIRA, VASO SANITÁRIO OU NO SEU JARDIM. Essa atitude pode contaminar os lençóis de água.

As letras ficaram diferentes por que escrevi no word, mas fui eu mesmo que fiz ta? Aqui não tem ctrol C ctrol V...rsrsrs

Bjinhos